del Potro segue em frente e dita adeus de Benneteau a Roland Garros

Fotografia: FFT

Foi um encontro histórico aquele a que se assistiu esta quinta-feira no Court Philippe Chatrier: Juan Martín del Potro, quinto cabeça de série e por isso (e não só) um dos principais candidatos ao título, terminou com a última participação de Julien Benneteau (62.º) em Roland Garros e, simultaneamente, progrediu assim para a terceira ronda do Major francês.

Nada faltou a este encontro: desde a emoção adveniente da possibilidade deste ser o último encontro de Benneteau no Grand Slam parisiense (o que se viria a confirmar), ao forte apoio das bancadas por parte do público gaulês, ao palco onde decorria este compromisso (o maior do complexo que acolhe Roland Garros), e, claro, os protagonistas. Apesar de tudo, a diferença de ranking foi demonstrativa das armas de um e outro e no final foi del Potro, semifinalista em 2009, quem prevaleceu pelos parciais de 6-4, 6-3 e 6-2.

Responsável pelo adeus de Julien Benneteau ao “seu” Major, no qual atingiu o melhor resultado em torneios desta dimensão em 2006 ao chegar aos quartos de final, Juan Martín del Potro olha agora para o que se aproxima na fase que se segue, onde terá como adversário seguinte o 31.º pré-designado, o espanhol Albert Ramos (36.º), que bateu o qualifier norueguês Casper Ruud (157.º ATP e vice-campeão da primeira edição do Braga Open — cedeu para Pedro Sousa) por 6-4, 6-2 e 6-4.

Total
1
Shares

Leave a Reply

Total
1
Share