Sanção a Karolina Pliskova não será tornada pública

Karolina Pliskova R

A checa Karolina Pliskova perdeu as estribeiras, esta quarta-feira, no embate frente a Maria Sakkari, em Roma, na sequência de um erro crasso da árbitra de cadeira, que chamou fora uma bola que foi claramente boa.

No final do encontro, que terminou com a vitória da tenista grega (3-6, 6-3 e 7-5), Pliskova não cumprimentou a árbitra, deixando bem evidente a sua fúria na cadeira desta.

A atitude da número 5 mundial, uma tenista que raramente expressa em court as suas emoções, deverá custar-lhe alguns milhares de euros, mas, de acordo com o jornalista Stuart Fraser (ver tweet abaixo), que cita um porta-voz da WTA, não será conhecida a ação disciplinar que lhe será aplicada.

João Correia
Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade.