Thiem cansou-se de perder frente a Anderson e rumou à final

Dominic-Thiem-Madrid
Fotografia: Mutua Madrid Open

Entre janeiro de 2014, no Australian Open, e agosto de 2017, em Washington, Dominic Thiem e Kevin Anderson defrontaram-se em seis ocasiões e por seis vezes o sul-africano derrotou o austríaco, sempre em torneios jogados em piso duro (indoor e ao ar livre).

Mas este sábado, na sua “praia” em Madrid, o número 7 da hierarquia mundial disse basta ao domínio do 8.º classificado, saindo vitorioso com os parciais de 6-4 e 6-2, em uma hora e 25 minutos, rumo à final de um torneio onde gosta muito de jogar.

Verdade seja dita, e apesar de um encontro de estreia em que não esteve tão bem, Dominic Thiem tem subido de nível à medida que o torneio vai avançando e a vitória registada ontem frente a Rafael Nadal foi sintomática. Confortável e perfeitamente adaptado às condições de jogo, o austríaco é um osso duro de roer na Caixa Mágica e alcança o encontro de atribuição do título pelo segundo ano consecutivo.

A segunda meia-final coloca frente a frente o alemão Alexander Zverev e o canadiano Denis Shapovalov — um duelo que se espera explosivo (20h00, Sport TV 5).

Total
3
Shares

Leave a Reply

Total
3
Share