Braga Open: regresso de Frederico Silva ao circuito Challenger não foi feliz

Frederico Silva II

BRAGA – O quadro principal do Braga Open perdeu esta tarde mais um representante luso. Depois de João Monteiro, Tiago Cação e Francisco Cabral, também Frederico Silva (287.º) foi afastado logo na primeira ronda do Challenger bracarense, ficando assim pelo caminho.

Uma semana após passar pelo quadro principal do Millennium Estoril Open onde foi derrotado logo ao primeiro encontro, o jovem das Caldas da Rainha regressou aos quadros principais de torneios de Challenger depois de quase um ano de ausência.

À procura de atingir o primeiro triunfo em grelhas principais de torneios deste nível pela primeira vez desde a 1.ª edição do Lisboa Belém Open, Frederico Silva cedeu ante o austríaco Dennis Novak (193.º) por 6-4 e 7-5, numa partida em que não bateu uma única esquerda, optando sempre pelo slice ou então por fugir à mesma para bater direita.

A derrota do tenista de 23 anos coloca-o fora da vertente de singulares, mas não do torneio. O português deve ir ainda a jogo na variante de pares ao lado de João Monteiro, sendo que deverá estrear-se nesse quadro na quarta-feira.

Total
2
Shares

Leave a Reply

Total
2
Share