Ostapenko: “Tento não pensar se sou uma das favoritas”

Ostapenko Jelena AO
Fotografia: Elizabeth Bai/Tennis Australia

Após derrotar a chinesa Ying Ying Duan por 6-3, 3-6 e 6-4, Jelena Ostapenko concedeu uma pequena entrevista ao website oficial do Australian Open, na qual falou um pouco de como se sente e da próxima adversária.

Ostapenko sentiu que “não comecei bem o jogo”, mas “fui melhorando ao longo do encontro”. No entanto, deixou uma palavra para a adversária, que “jogou muito bem hoje [esta quarta-feira] e tornou o encontro muito díficil” para a letã.

Questionada sobre se se sente como uma das favoritas, a campeã em título de Roland Garros confessou que “tento não pensar sobre essas coisas”, focando-se apenas no próximo jogo e em “jogar o seu melhor”.

Em relação à sua adversária na terceira ronda (ver quadro feminino aqui), Ostapenko afirmou que “já conheço a Anett [Kontaveit] desde os tempos de juniores, onde já disputamos alguns jogos e vencemos mesmo um torneio de pares”. “Ela é uma bela jogadora e vai ser um jogo muito duro”, concluiu.

Total
3
Shares
Total
3
Share