Australian Open: Juan Martin del Potro e Dominic Thiem iniciam campanhas com sucesso

Se a primeira jornada do Australian Open foi marcada pela eliminação de alguns dos candidatos a chegar longe na competição, o segundo dia foi bem mais tranquilo para os principais cabeças de série.

Depois das vitórias de jogadores como Stan Wawrinka, Novak Djokovic, Alexander Zverev ou Roger Federer, também Juan Martin del Potro e Dominic Thiem entraram a vencer na presente edição do primeiro Grand Slam da temporada.

O primeiro dos dois tenistas a carimbar esse apuramento foi o austríaco. A defrontar Guido Pella (56.º) pela terceira vez na carreira, o número cinco mundial conseguiu finalmente impor uma derrota ao argentino, ao derrotá-lo sem problemas de maior pelos parciais de 6-4, 6-4 e 6-4. Pelo meio fez isto.

Na segunda ronda do Happy Slam pela terceira vez na carreira, Thiem terá agora pela frente um dos poucos norte-americanos ainda em prova, o número 190 mundial, Denis Kudla.

Quanto ao percurso de Juan Martin del Potro nesta primeira ronda, o tenista argentino acabou por seguir as pisadas de Thiem e triunfar sem problemas de maior em apenas três sets.

A fazer o seu primeiro encontro como top 10 mundial desde 2014, ano em que disputou o seu último torneio em Melbourne Park antes do calvário de lesões, del Potro bateu no encontro de estreia o jovem Fraces Tiafoe (81.º). O resultado fixou-se com os parciais de 6-3, 6-4 e 6-3.

Garantido um lugar nos 64 mais, a Torre de Tandil voltará a ter pela frente mais um talento da nova geração, o russo Karen Khachanov (47.º), tenista que derrotou na caminhada para a final de Auckland, na semana passada.

Total
1
Shares
Total
1
Share