del Potro: “O principal objetivo para 2018 é manter-me saudável”

Del Potro 12
Fotografia: Rolex Paris Masters

A poucos dias de “dar o pontapé de saída” no que à sua temporada de 2018 concerne, Juan Martín del Potro (12.º) concedeu uma entrevista ao The Herald onde abordou os seus objetivos para a nova temporada e falou do regresso ao ATP 250 de Auckland pela primeira vez desde 2009.

Campeão do evento neozelandês nessa sua última de duas aparições, o tenista argentino de 29 anos mostra-se feliz por voltar a um torneio onde já teve sucesso. “Auckland foi um torneio muito importante para mim, dado que foi o primeiro que venci depois de um grande ano de 2008 que tive, ano em que conquistei quatro torneios seguidos, atingi os quartos de final do US Open e fui ainda finalista da Taça Davis”, começou por reconhecer a “Torre de Tandil”.

E por isso mesmo del Potro voltou “a eleger Auckland para ter um bom começo de época e ter a melhor preparação possível com vista o Australian Open“, isto apesar de não fixar nenhum objetivo concreto para o primeiro Grand Slam do ano. “É óbvio que gostaria de poder conquistar mais torneios grandes e subir no ranking, mas o principal objetivo para mim depois de todas as cirurgias é manter-me saudável”, sustentou.

Ausente da ronda inaugural do ASB Classic em virtude de ser o segundo pré-designado, Juan Martín del Potro vai defrontar o jovem talentoso canadiano Denis Shapovalov, que derrotou na jornada desta segunda-feira o qualifier brasileiro Rogério Dutra da Silva (6-3 e 6-2).

Recorde-se que igualmente na segunda ronda do torneio neozelandês está o português João Sousa, depois de ter superado o norte-americano Donald Young.

Total
1
Shares
Total
1
Share