Djokovic só toma decisão sobre Australian Open depois de jogar dois torneios de exibição

Novak Djokovic

Primeiro Abu Dhabi, depois Doha. O cotovelo, ainda o cotovelo, mudou os planos a Novak Djokovic, que contava já ter feito o seu regresso à competição por esta altura. Por isso, o sérvio teve de fazer alterações aos dias que antecedem o Australian Open e esta quarta-feira anunciou, através de um comunicado, as suas intenções.

“O Novak está a viajar para a Austrália, onde vai participar em dois torneios de exibição. Depois desses dois eventos, vai tomar uma decisão relativamente à sua participação no primeiro Grand Slam da época, o Australian Open“, lê-se na nota publicada no website oficial do atual número 12 do mundo.

Os torneios em questão são o já anunciado Tie Break Tens, em Melbourne, no qual vários jogadores (Rafael Nadal, Stan Wawrinka e Nick Kyrgios estão entre os restantes jogadores confirmados) competem pelo prémio único de 250.000 dólares numa só noite (10 de janeiro) e ainda o Kooyong Classic, que se realiza entre 9 e 12 de janeiro nos subúrbios da mesma cidade que acolhe o Australian Open.

David Goffin, Dominic Thiem, Pablo Carreño-Busta, Marin Cilic Kevin Anderson, Richard Gasquet, Yoshihito Nishioka e Matt Ebden são os restantes jogadores confirmados neste último torneio, que contará ainda com a presença de três jogadoras: Belinda Bencic, Andrea Petkovic e Destanee Aiava, jogadora da casa.

Total
2
Shares

Leave a Reply

Total
2
Share