Djokovic junta-se a Nadal na final de Pequim

Pela quarta vez na temporada, Rafael Nadal e Novak Djokovic medirão forças no circuito profissional, dado que este sábado, e já depois do espanhol ter garantido o regresso ao primeiro lugar do ranking mundial ao beneficiar da desistência de Tomas Berdych, o sérvio somou um novo triunfo para se apurar para o derradeiro encontro do China Open 2013 – torneio da categoria ATP 500 disputado em Pequim.
À procura do seu quarto título em Pequim e, também, de defender os pontos conquistados na localidade chinesa em 2012, Novak Djokovic precisou de apenas dois sets para se impor perante o francês Richard Gasquet e confirmar o estatuto de primeiro cabeça de série, vencendo por 6-4 6-2 num encontro em que chegou a estar um break abaixo no primeiro parcial.
Já com o primeiro lugar do ranking ATP perdido para o maiorquino, Djokovic terá de vencer a final deste domingo para evitar perder ainda mais pontos para Rafael Nadal, que se coloca cada vez mais numa melhor posição para terminar a época como líder da tabela individual masculina.
O duelo de amanhã será o trigésimo oitavo entre ambos, sendo que o espanhol lidera por 22-15 – tendo vencido três dos quatro encontros que disputaram na presente temporada. Em finais, o registo é também ele favorável a ‘Rafa’, que venceu nove e perdeu oito.
Fotografia de Christopher Levy gentilmente cedida ao Ténis Portugal.

Total
0
Shares
Total
0
Share