ATP aprova prize-money de Indian Wells

A Associação dos Tenistas Profissionais (ATP) aprovou finalmente a proposta do torneio de Indian Wells (um Premier WTA e um ATP Masters 1000) relativa ao aumento do prize-money. Após várias negociações falhadas, a associação de ténis masculina junta-se assim à WTA permite que o evento norte-americano, um dos mais importantes do circuito, avance como planeado pelos seus organizadores.
Com o sinal verde dado pela entidade dos tenistas profissionais, o BNP Paribas Open distribuirá assim 5.030.402 dólares norte-americanos em prémios monetários, o que corresponde a um aumento de 860.000 dólares só na vertente masculina (quer para a competição de singulares quer para a de pares), sendo presumível que o aumento nos quadros femininos seja semelhante.
Brad Drewett, uma das principais figuras da ATP, voltou a frisar que existem regras relativamente ao aumento dos prémios monetários: “Estes aumentos são sempre positivos, relativamente ao momento actual do nosso desporto. Contudo, existem acordos e regras feitas com a ATP para assegurar que o investimento feito nos torneios é feito de uma maneira que beneficie os jogadores de maneira proporcional de ronda para ronda.”
Apesar de não ter divulgado muito mais relativamente à fórmula que irá ser utilizada (as regras da ATP dizem que 80% do prize-money deve ser para a vertente de singulares e 20% para a de pares, sendo que os organizadores do torneio de Indian Wells pretendiam alterar os números para 82-18), Dreweet mostrou-se satisfeito por terem chegado a acordo: “Estamos muito contentes por termos chegado a uma decisão que agrada a ambas as partes já para 2013.”
Anteriormente, a direcção da ATP já havia anunciado que pretende rever alguns dos seus regulamentos relativos às distribuições dos prémios.

Total
0
Shares
Total
0
Share