Krajinovic continua a deslumbrar em Roterdão e já está nas meias-finais

ABN AMRO WTT

Caiu Tallon Griekspoor primeiro. Depois caiu Vasek Pospisil. E, esta sexta-feira, caiu Andrey Rublev. O sérvio Filip Krajinovic continua a colecionar triunfos no ATP 500 de Roterdão e, ao surpreender o russo com os parciais de 7-6(2) e 6-4, garantiu o apuramento para as meias-finais do torneio.

A jogar a um grande nível durante toda a semana, Krajinovic voltou a não deixar cair qualquer set, como já tinha acontecido nas duas rondas anteriores. O sérvio de 27 anos foi o único a enfrentar um ponto de break no primeiro parcial, mas salvou-o no caminho para uma vitória com mestria no tie-break.

O triunfo no primeiro parcial deu confiança ao número 39 do Mundo, que quebrou o serviço de Rublev logo a abrir a segunda partida. O russo demorou, mas conseguiu responder ao oitavo jogo. Porém, a festa de Rublev durou pouco tempo, uma vez que Krajinovic conseguiu de imediato o contra break e fechou depois o encontro ao serviço.

Desempatado que está o confronto direto com Rublev (lidera agora por 2-1), Filip Krajinovic prepara agora o embate com o francês Gael Monfils (#9 ATP) nas meias-finais. Em jogo está um lugar na final do próximo domingo, que pode vir a ser a quarta da carreira de Krajinovic em torneios ATP.

ABN AMRO World Tennis Tournament
Resultados de sexta-feira

Quartos de final:
Filip Krajinovic
d. [7] Andrey Rublev, 7-6(2) e 6-4
[3] Gael Monfils d. Daniel Evans, 7-6(5) e 6-2
Félix Auger-Aliassime d. Aljaz Bedene, 6-4 e 7-6(6)
Pablo Carreño-Busta d. [WC] Jannik Sinner, 7-5, 3-6 e 7-6(6)

Alinhamento das meias-finais:
Filip Krajinovic – [3] Gael Monfils
Pablo Carreño-Busta – Félix Auger-Aliassime

Avatar
Adepto do desporto em geral mas com especial carinho pela "bolinha saltitona". O bichinho surgiu ainda Rafael Nadal não tinha mangas e não mais saiu. Chegada a oportunidade do Raquetc, juntamente com a minha ambição de ser jornalista, foi fácil aceitar juntar-me à equipa.