Zverev mantém a promessa: “Se ganhar o torneio vou doar todo o prize money

Alexander Zverev é um homem de palavra e depois de carimbar pela primeira vez o acesso às meias-finais de um torneio do Grand Slam reiterou a intenção de doar todo o prize money caso se sagre campeão do Australian Open.

Questionado por John McEnroe sobre a declaração que fez depois da vitória na primeira ronda, o alemão — que começou 2020 de forma desastrosa e reconheceu que estava longe de ser um dos favoritos para o torneio — confirmou o gesto. “Fiz uma promessa às pessoas da Austrália e se acontecer [ganhar o torneio] vou manter essa promessa”.

“Sempre disse que não sou motivado pelo dinheiro, os meus pais sempre me ensinaram que com o dinheiro deves fazer coisas que ajudem os outros. É claro que 4 milhões de dólares australianos seria um prémio muito bom, podia comprar um carro muito bom, mas há pessoas que precisam do dinheiro para recuperarem as suas vidas e isso é muito mais importante”, completou.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a histórias, a recordes. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais — por isso depois chegaram o padel, o ténis de mesa e o squash. E assim cá estamos, no Raquetc ("raquetecétera"). Como escreveu Pessoa, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."