Pedro Sousa afastado do Australian Open por wild card fora do top 500

Depois de Frederico Silva e João Domingues, Pedro Sousa procurava completar um dia perfeito na primeira ronda da fase de qualificação do Australian Open e entre os três portugueses até era aquele que, em teoria, tinha pela frente a tarefa mais acessível, mas foi surpreendido e está fora do primeiro torneio do Grand Slam da temporada.

Número 139 do ranking e, por isso, 27.º cabeça de série, o lisboeta partia como claro favorito à vitória frente a Blake Mott, o 507.º classificado que precisou de um convite dos compatriotas para participar no torneio. Mas dentro do court o favoritismo esteve sempre longe de se confirmar e acabou derrotado pelos parciais de 6-3 e 6-4.

O número 2 nacional nunca conseguiu tomar as rédeas do encontro e duas quebras de serviço — uma em cada set — bastaram para o jovem australiano de 23 anos consumar a surpresa.

Há um ano, Pedro Sousa estreou-se em quadros principais de torneios do Grand Slam neste mesmo Australian Open (teve entrada direta) e perdeu com Alex de Minaur em três sets muito equilibrados.

A derrota do tenista lisboeta deixa Frederico Silva e João Domingues como os únicos representantes portugueses na fase de qualificação do Australian Open, enquanto no quadro principal João Sousa volta a ter a participação assegurada.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a histórias, a recordes. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais — por isso depois chegaram o padel, o ténis de mesa e o squash. E assim cá estamos, no Raquetc ("raquetecétera"). Como escreveu Pessoa, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."