Montevideo. João Domingues cai perante melhor cotado

Fotografia: Margarida Moura/Federação Portuguesa de Ténis

O português João Domingues foi afastado na terceira ronda do Challenger de Montevideo, no Uruguai. Depois de ter entrado a vencer na prova, o tenista de Oliveira de Azeméis não conseguiu prolongar a estadia na cidade uruguaia e foi derrotado pelo boliviano Hugo Dellien (75.º ATP), segundo cabeça de série, com os parciais de 6-3 e 6-2.

O primeiro set foi muito equilibrado e podia mesmo ter caído para o lado do tenista luso. Domingues teve seis break points ao longo do parcial, não tendo sido capaz de aproveitar nenhum deles. Mais eficaz foi Dellien, que só precisou de duas chances para conseguir quebrar o serviço do português e fechar de seguida o set.

A segunda partida cedo começou a fugir para o lado do melhor cotado. Dellien quebrou o serviço de João Domingues logo no primeiro jogo e não voltou a tremer. Os únicos break points a favor do oliveirense no segundo parcial surgiram já quando Dellien servia a 5-2 para fechar a partida e não foram aproveitados.

Apesar de ter chegado ao fim a participação em Montevideo, João Domingues vai subir sete posições no ranking mundial. Na próxima segunda-feira, o tenista de 26 anos vai ocupar o 185.º lugar da hierarquia.

Avatar
Adepto do desporto em geral mas com especial carinho pela "bolinha saltitona". O bichinho surgiu ainda Rafael Nadal não tinha mangas e não mais saiu. Chegada a oportunidade de me juntar ao Raquetc, juntamente com a minha ambição de ser jornalista, foi fácil aceitar juntar-me à equipa.