Pedro Sousa falha quartos de final no Challenger de Guayaquil

Um ano depois de ter lutado pelo título em Guayaquil, Pedro Sousa não vai repetir a proeza: o número dois nacional (e 127.º ATP) foi esta quinta-feira derrotado nos oitavos de final do torneio equatoriano.

Frente a frente com o argentino Facundo Bagnis (138.º) pela segunda vez na carreira, o jogador lisboeta de 31 anos ainda recuperou da desvantagem de um set mas não consegui levar a “remontada” até ao fim e perdeu em três partidas, pelos parciais de 7-6(3), 4-6 e 6-2.

No primeiro encontro entre ambos, jogado em Corrientes no ano de 2015, o argentino também tinha levado a melhor.

Porque tinha os pontos relativos à presença na final da edição transata a defender, Pedro Sousa vai descer no ranking: se a tabela fosse atualizada esta quinta-feira perderia 10 posições, para 137.º, mas é provável que venha a ser ultrapassado por outros jogadores que ainda estão em competição.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a histórias, a recordes. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais — por isso depois chegaram o padel, o ténis de mesa e o squash. E assim cá estamos, no Raquetc ("raquetecétera"). Como escreveu Pessoa, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."