Castelo Branco: Tiago Cação e Francisco Dias avançam para a segunda ronda

Começaram oficialmente esta terça-feira os primeiros encontros referentes ao quadro principal da edição deste ano do Internacionais de Ténis de Castelo Branco, prova de 15.000 dólares que se disputa nos campos de piso rápido do Riba Clube – Zonameeting. No final do dia, dois tenistas portugueses já estão qualificados para os oitavos de final.

Depois de uma fase de qualificação que teve Fábio Coelho e Gonçalo Falcão como sobreviventes lusitanos que conseguiram chegar à principal grelha de participantes (ainda que André Rodeia também tenha entrado na condição de lucky loser), esta tarde ofereceu três duelos com representação nacional.

Um deles opôs precisamente dois compatriotas e acabou por ser o mais cotado a sair por cima: Tiago Cação, quarto cabeça de série e atual 550.º ATP, impôs-se facilmente perante o convidado Francisco Rocha, de 19 anos e 2152.º da hierarquia ITF, por 6-2 e 6-1 para marcar encontro com o ucraniano Marat Deviatiarov (748.º ITF), que ultrapassou Luís Faria (616.º ITF) pelos parciais de 7-6(5), 6-7(4) e 6-2 ao cabo de duas horas e 43 minutos de uma grande batalha.

Quem também logrou triunfar no decurso desta jornada foi Francisco Dias: o tenista luso, 992.º ITF e campeão de pares ao lado de Falcão no último sábado naquele que foi o segundo torneio consecutivo realizado em Idanha-a-Nova, levou de vencida o ucraniano Pavel Shumeiko (1135.º ITF) por 6-3 e 6-4 e pode agora ter pela frente o seu mais recente parceiro na próxima fase caso o português surpreenda o sexto cabeça de série, o colombiano Eduardo Struvay (636.º ATP mas um antigo número 158 mundial).

Avatar
Natural da Ilha do Pico, Açores. Estudante do 3.º ano do curso de Direito da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Amante e seguidor de ténis desde a adolescência.