Wimbledon. Federer e Djokovic vão lutar pelo título a partir das 14 horas

De um lado Roger Federer, do outro Novak Djokovic.

Pela terceira vez na história, a final de singulares masculinos do torneio de Wimbledon vai colocar frente a frente o suíço e o sérvio.

O duelo está agendado para as 14 horas de domingo, hora local e de Portugal Continental, e em solo luso poderá ser acompanhado em direto e em exclusivo na Sport TV 1.

O frente a frente daquela que é a segunda maior rivalidade da história do ténis masculino ( só atrás da que o sérvio tem com Rafael Nadal) é favorável a Novak Djokovic, que venceu 25 encontros e perdeu 22. E em Wimbledon também é ele quem leva a melhor: 2-1, com as duas vitórias a acontecerem nas duas finais anteriores.

Roger Federer procura aumentar para 21 o número de títulos do Grand Slam — se o fizer aumentará ainda mais o recorde que lhe pertence —, enquanto Novak Djokovic procura somar o 16.º.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel e o squash. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."