Gonçalo Oliveira, Frederico Silva e Gastão Elias vão a jogo no circuito Challenger

Gonçalo Oliveira f5

Como vem a ser habitual, a próxima semana volta a contar com vários representantes portugueses no circuito Challenger e serão eles Gonçalo Oliveira e Gastão Elias em Nursultan e Frederico Silva em Amersfoort.

No torneio cazaque, Oliveira só entra em prova na segunda ronda visto defender o estatuto de nono cabeça de série. Atual 257.º colocado da tabela individual, o tenista portuense medirá forças na sua estreia em Nursultan contra o vencedor do duelo entre o bósnio Aldin Setkic (344.º) e o vietnamita Nam Hoang Ly (417.º), podendo encarar nos oitavos de final o oitavo favorito, o sul-coreano Yunseong Chung (241.º).

Já Elias, número 340 mundial e que regressa oficialmente à competição pela primeira vez desde a desistência na segunda ronda do Lisboa Belém Open, tem pela frente o colombiano Nicolás Barrientos, sem ranking neste momento mas um antigo número 237 ATP, na eliminatória inaugural, sendo que em caso de vitória enfrenta depois o 12.º pré-designado, o russo Pavel Kotov (275.º).

Em solo holandês, Silva (296.º ATP) também está presente diretamente no quadro principal e defronta logo a abrir um ex-top 160 mundial: nada mais, nada menos do que o brasileiro Guilherme Clezar (atual 322.º). Se passar pelo primeiro teste, o jogador caldense já sabe que o seu adversário seguinte será o 15.º candidato ao título e antigo número 64 mundial, o alemão Tobias Kamke (266.º).

Avatar
Natural da Ilha do Pico, Açores. Estudante do 3.º ano do curso de Direito da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Amante e seguidor de ténis desde a adolescência.