Marcos Freitas, Fu Yu e Jien Shao estreiam-se com vitórias nos Jogos Europeus

Dia agridoce para Portugal no que ao início de competição do ténis de mesa nos Jogos Europeus diz respeito. Três atletas lusos carimbaram o passaporte para a quarta eliminatória, mas um deles ficou pelo caminho.

Marcos Freitas, o número um português e 34 do mundo, superou o eslovaco Lubomir Pistej por 4-1 (8-11, 11-6, 11-8, 11-8 e 11-7) para entrar com o pé direito na competição. Agora, o mesatenista madeirense vai ter pela frente Timo Boll, ex-número um e campeão do mundo que atualmente ocupa a sexta posição da tabela.

Destino diferente teve Tiago Apolónia. 43.º classificado, o jogador de Lisboa também só começou a competição na terceira eliminatória e não conseguiu superar o eslovaco Yang Wang, perdendo por 4-1 (11-9, 7-11, 11-7, 11-6 r 11-8).

Já na competição feminina, a número 34 mundial Fu Yu conseguiu levar de vencida a suíça Rachel Moret por 4-1 (11-6, 11-5, 13-11, 9-11 e 13-11) naquela que foi a sua estreia na competição, marcando encontro com Hanna Haponova, da Ucrânia.

Já Jieni Shao, que foi a única jogadora portuguesa a ter de disputar a segunda ronda, derrotou na terceira fase a checa Hana Matelova por 4-3 (11-5, 11-7, 4-11, 9-11, 7-11, 11-8 e 15-13) para se juntar à compatriota nos oitavos de final. A próxima adversária será a holandesa Li Jie.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel e o squash. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."