Mais próximo do seu melhor, Zverev avança para a terceira ronda de Roland Garros

Fotografia: ATP Tour

Alexander Zverev carimbou esta tarde o passaporte para a terceira ronda de Roland Garros e fê-lo de forma bem mais tranquila, quando em comparação com o encontro de estreia. O tenista alemão levou a melhor sobre Mikael Ymer (148.º ATP) com parciais de 6-1, 6-3 e 7-6(3).

Apesar do elevado número de erros não forçados (42) durante o encontro, Zverev mostrou um ténis mais próximo do seu nível, sobretudo no primeiro parcial. Muito assertivo e a errar pouco, o número cinco mundial precisou de apenas 28 minutos para voltar à cadeira com uma vantagem de um set no bolso.

À medida que o jogo foi avançando, os erros do germânico foram aumentando mas ainda assim sem grandes consequências. O primeiro break point a favor de Ymer apareceu apenas quando Zverev servia a 5-3 para fechar a segunda partida, e o alemão não só salvou o break point como de seguida converteu o set point.

A terceira partida acabou por ser a mais equilibrada. Zverev saiu na frente com um break logo no primeiro jogo, mas viu Ymer recuperar a desvantagem quando servia a 5-4 para fechar a partida. No tiebreak, voltou ao ataque o tenista de 22 anos, que chegou a uma vantagem de 6-1 que se revelou irrecuperável para o sueco.

Apurado para a terceira ronda, Alexander Zverev sabe já que vai medir forças com o sérvio Dusan Lajovic, número 35 do Mundo.

Daniel Sousa
Adepto do desporto em geral mas com especial carinho pela "bolinha saltitona". O bichinho surgiu ainda Rafael Nadal não tinha mangas e não mais saiu. Chegada a oportunidade do Raquetc, juntamente com a minha ambição de ser jornalista, foi fácil aceitar juntar-me à equipa.