Já há três portugueses apurados para as meias-finais de pares do Loulé Open

LOULÉ – Depois de um início de semana considerado pela chuva, o quadro principal de pares do Loulé Open começa finalmente a compor-se. Depois de um encontro disputado na quinta-feira, esta sexta-feira ficaram a conhecer-se os primeiros semifinalistas. Entre eles já há três portugueses.

Os primeiros a seguirem em frente foram Francisco Dias e Gonçalo Falcão, que depois de derrotarem Afonso Salgado e Pedro Gabriel Rodrigues (wild cards) na jornada anterior superaram os checos Jonas Forejtek e Jan Mertl por 6-3 e 6-2, confirmando o estatuto de segundos cabeças de série.

Depois, também Tiago Cação avançou para as meias-finais. Ao lado do argentino Manuel Pena Lopez, o português já tinha beneficiado de um walkover na eliminatória inaugural e superou facilmente o espanhol Jorge Blanco Guadalupe e o chileno Michel Vernier.

Aos três portugueses já apurados pode ainda juntar-se Luís Faria, que com o norte-americano Henry Craig não teve de disputar a primeira ronda (Pedro Araújo e José Ricardo Nunes abdicaram de participar) e vai medir forças com os argentinos Tomas Martin Etcheverry e Juan Bautista Otegui na manhã de sábado.

Para este sábado estão marcados:

  • As duas meias-finais de singulares
  • Um encontro dos quartos de final de pares por concluir e outro por começar
  • As duas meias-finais de pares

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel e o squash. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."