Andy Murray mantém os planos de jogar em Wimbledon

Entrevistado esta quarta-feira na cerimónia de apresentação do torneio de Queen’s, Andy Murray apresentou a marca Castore como sua nova patrocinadora e garantiu que o seu plano de jogar em Wimbledon se mantém de pé.

“Quero continuar a jogar, já disse na Austrália. O problema é que não sei se será possível”, começou por assinalar o escocês.

“Já não tenho dores, mas a recuperação é muito lenta. Está a correr bastante bem, só tenho que esperar e aguardar pela evolução. Se for possível, adorava voltar a competir”, acrescentou Murray.

Depois de anunciar na Austrália que o seu plano seria terminar a carreira este ano, se possível em Wimbledon, Andy Murray foi operado à anca no final de janeiro e deixou no ar a hipótese de voltar a competir ao mais alto nível.

Diogo Leite
Licenciado em Gestão e com o Mestrado em Finanças concluído. É um apaixonado por ténis e padel. Adora conhecer tudo e todos dentro da modalidade, bem como estar a par das recentes notícias.