Naomi Osaka é a primeira tenista asiática da história a ser número um do mundo

Naomi Osaka
Fotografia: Tennis Australia

Fez-se história em Melbourne: ao sagrar-se campeã do Australian Open, Naomi Osaka garantiu ainda a subida ao primeiro lugar do ranking mundial, tornando-se na primeira tenista asiática da história a liderar uma tabela classificativa.

A conquista no “Happy Slam” traduz-se na segunda consecutiva da jovem japonesa de apenas 21 anos em torneios do Grand Slam, ela que meses antes de vencer o US Open 2018 tinha conquistado o primeiro título da carreira em Indian Wells.

Os grandes resultados que alinhou nos últimos 12 meses permitiram-lhe quebrar barreiras atrás de barreiras e se há um ano chegou a Melbourne como a número 72 do mundo, Naomi Osaka sairá da cidade australiana como líder do ranking, tornando-se na 26.ª jogadora da história a subir ao primeiro lugar da tabela WTA.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."