Naomi Osaka, a 26.ª jogadora a inscrever o nome no primeiro lugar do ranking WTA

Naomi Osaka 5
Fotografia: Tennis Australia

Sábado de ouro para Naomi Osaka: ao conquistar o segundo título do Grand Slam consecutivo, a jovem japonesa garantiu também a subida ao primeiro lugar do ranking WTA pela primeira vez, um feito até aqui nunca alcançado por um tenista asiático.

Já se sabia que a final desta edição do Australian Open (tal como a de 2018) levaria a vencedora até ao primeiro lugar e a finalista ao segundo e acabou por ser a mais nova das duas a vencer para se suceder a Simona Halep na lista, que foi inaugurada pela norte-americana Chris Evert no dia 3 de novembro de 1975.

Líderes do ranking ordenadas por ordem cronológica:

  1. Chris Evert
  2. Evonne Goolagong Cawley
  3. Martina Navratilova
  4. Tracy Austin
  5. Steffi Graf
  6. Monica Seles
  7. Arantxa Sánchez Vicario
  8. Martina Hingis
  9. Lindsay Davenport
  10. Jennifer Capriati
  11. Venus Williams
  12. Serena Williams
  13. Kim Clijsters
  14. Justine Henin
  15. Amélie Mauresmo
  16. Maria Sharapova
  17. Ana Ivanovic
  18. Jelena Jankovic
  19. Dinara Safina
  20. Caroline Wozniacki
  21. Victoria Azarenka
  22. Angelique Kerber
  23. Karolina Pliskova
  24. Garbiñe Muguruza
  25. Simona Halep
  26. Naomi Osaka
Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."