Primeira final, primeiro título: Bernardo Saraiva campeão de pares do Challenger do Ohio

O primeiro título conquistado por um tenista português na época de 2019 é de Bernardo Saraiva. Aos 25 anos, o lisboeta sagrou-se campeão de pares do Challenger de Columbus, no Ohio.

Foi ao lado do norte-americano Maxime Cressy que Bernardo Saraiva disputou a primeira final da carreira em torneios de categoria Challenger e o desfecho não poderia ter sido melhor: os dois derrotaram Robert Galloway e Nathaniel Lammons (também dos EUA) por 7-5 e 7-6(3) para conquistarem o título.

Número 480 do ranking mundial de pares (em dezembro de 2018 chegou ao 243 mas as novas regras resultaram numa descida considerável), Bernardo Saraiva conquista o 14.º título da carreira e o primeiro em torneios Challenger.

A vitória traduz-se, também, no primeiro troféu de campeão erguido por um jogador português na nova temporada, uma semana depois de Gonçalo Oliveira ter sido derrotado na final de um outro Challenger, em Orlando.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."