Vídeo: os reflexos de Roger Federer que levaram a arena de Paris-Bercy à loucura

Roger Federer
Fotografia: Corinne Dubreuil / FFT

Paris, meias-finais de singulares do último ATP Masters 1000 da temporada. De um lado do court Roger Federer, do outro Novak Djokovic. A combinação dificilmente poderia ser mais atrativa e por isso foi sem surpresas que o público presente na arena de Paris-Bercy começou, desde logo, a assistir a ténis de alto nível.

Mas o que aconteceu no oitavo jogo do encontro entre o suíço e o sérvio ninguém esperava, e nada melhor do que assistir ao vídeo para compreender. Os reflexos de Federer não estão nada maus para um jogador de 37 anos, pois não? O sorriso de Djokovic diz tudo…

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."