del Potro sofreu fratura e pode ficar ausente da competição vários meses

Fotografia: ATP World Tour

O pior confirmou-se: na sequência da queda aparatosa ocorrida no 10.º jogo do encontro diante de Borna Coric, referente aos oitavos de final do Masters 1000 de Xangai e que o forçaria a desistir desse compromisso, Juan Martín del Potro revelou, através da sua assessoria de imprensa, que fraturou a rótula da perna direita.

O número quatro mundial, que este ano atingiu o terceiro posto do ranking (máximo de carreira), não sabe ainda a duração do seu período de ausência pois será reavaliado nos próximos dias, mas é quase certo que, atendendo ao tipo de lesão, irá falhar o resto da temporada e, portanto, não deverá marcar presença no Nitto ATP Finals, para o qual já se havia qualificado.

Recorde-se que o argentino, que confessa ser “um momento difícil” e estar “muito triste” por ser “um golpe duro que me deixa sem força física, o que torna complicada a minha recuperação”, já teve de lidar com problemas vários no pulso esquerdo que o afastaram da competição ao longo dos últimos anos.

Natural da Ilha do Pico, Açores. Estudante do 3.º ano do curso de Direito da Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa. Amante e seguidor de ténis desde a adolescência.