Federer volta a sofrer mas garante um lugar nos quartos de final do Masters 1000 de Xangai

Novo dia, nova carga de trabalhos para Roger Federer. O suíço continua a não conseguir praticar o seu melhor ténis e voltou a sentir muitas dificuldades em Xangai, precisando de três sets para derrotar Roberto Bautista Agut (6-3, 2-6 e 6-4) e chegar aos quartos de final.

Menos de 24 horas depois de ter passado por Daniil Medvedev, o helvético de 37 anos voltou a ser forçado a um terceiro set. Uma vez mais, com uma exibição aos “trambolhões” que o obrigou a muitos trabalhos para passar por um adversário contra o qual nunca tinha perdido um set (16-0 até hoje).

Agora, segue-se um interessante duelo com Kei Nishikori. A maior estrela do ténis asiático, que bateu Sam Querrey por 7-6(7) e 6-4 para chegar, pela primeira vez em sete anos, aos quartos de final do Masters 1000 chinês.

Atualizado às 14h04.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."