João Domingues derrotado em Barcelona por estrela de Roland Garros

João.Domingues.1

Foi curta a campanha de João Domingues no Challenger de Barcelona, em Espanha. O tenista oliveirense enfrentou um tenista mais cotado na eliminatória inaugural e, apesar de ter começado melhor, não conseguiu seguir em frente, deixando Pedro Sousa como o único representante português em prova.

A disputar o último torneio antes de representar Portugal na Taça Davis, o número 4 nacional e 207 ATP deu boa réplica a Marco Trungelliti, o argentino que é o 129.º do ranking e que ficou conhecido mundialmente em Roland Garros.

O tenista português de 25 anos entrou com o pé direito no encontro e chegou rapidamente a uma vantagem de 5-2 no segundo parcial, dispondo de dois set points. A discrepância no marcador não foi, no entanto, suficiente e com cinco jogos consecutivos Trungelliti passou para a frente do encontro.

Depois, o argentino entrou melhor no segundo set e com três breaks (Domingues ainda devolveu o primeiro para fazer o 2-2) resolveu a contenda, impedindo o tenista português de se juntar a Pedro Sousa na segunda ronda.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."