Fábio Coelho volta a vencer e conquista mais um ponto para o ranking ATP

Três semanas depois de o ter feito em Palmela, pela primeira vez, Fábio Coelho voltou a superar a primeira ronda do quadro principal de singulares de um torneio Future. Agora, em Idanha-a-Nova, onde aproveitou da melhor forma possível a oportunidade que lhe foi dada.

Repescado para o quadro principal na condição de lucky loser, o jovem português de apenas 18 anos saiu por cima da “montanha-russa” disputada com o espanhol Pedro Vives Marcos, vencendo por 6-3, 0-6 e 6-2 ao fim de 1h39.

Desta forma, Fábio Coelho conquista o segundo ponto ATP da carreira (ele que com a entrada no ranking chegou, a 1 de outubro, ao 1706.º posto) e junta-se aos compatriotas João Monteiro, Fred Gil e Pedro Araújo na segunda ronda do Future de 15.000 dólares de Idanha-a-Nova.

E por falar em Fred Gil, a participação de Fábio Coelho na jornada desta quarta-feira não se fica por aqui, dado que o tenista natural de Oliveira de Azeméis vai discutir, ao lado do sintrense, a passagem aos quartos de final do quadro principal de pares.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."