De loucos: às 3h da manhã, Gastão Elias soma primeira vitória dos últimos cinco meses

Gastão Elias São Paulo

Chegou ao fim o jejum de vitórias de Gastão Elias. Numa longa jornada, o tenista português só entrou em ação de madrugada e só por volta das 3h locais conseguiu resolver a contenda, carimbando o apuramento para a segunda ronda do forte Challenger de Santo Domingo, na República Dominicana.

Sem ganhar qualquer encontro desde o mês de maio, quando chegou às meias-finais do Braga Open, o número 3 nacional impôs-se a Marcelo Arévalo (de El Salvador e 185.º do ranking) em dois sets, pelos parciais de 6-3 e 7-6(7).

Num encontro equilibrado, sobretudo no segundo set (onde não se verificou qualquer break), Gastão Elias ainda salvou dois set points no tiebreak, antes de conseguir dar a volta para carimbar a tão procurada vitória.

Na segunda ronda deste Challenger de 125.000 dólares, o tenista português de 27 anos já sabe que vai defrontar o austríaco Jurgen Melzer, atual 495.º do ranking mas 8.º classificado há sete anos.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegaram o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."