Gonçalo Oliveira novamente numa final de pares, agora na Holanda

Gonçalo Oliveira-Luis Martinez

Gonçalo Oliveira apurou-se na tarde desta sexta-feira para a final de pares do Challenger holandês de Scheveningen, juntamente com o venezuelano Luís David Martínez.

A formação luso-venezuelana, terceira cabeça de série, impôs-se no confronto com a dupla alemã (primeira pré-designada) constituída por Andre Begemann & Dustin Brown, com parciais de 7-6(4) e 6-4.

O tenista português, número 114 do ranking mundial de pares, alcança assim a sua oitava final da carreira na variante de pares do circuito Challenger (quinta em 2018). No passado sábado, em Bastad (Suécia), ao lado de Zdenek Kolar, fora derrotado no duelo de atribuição do título.

Na final de domingo Oliveira & Martínez vão encarar a dupla que sair vitoriosa do embate entre Ruben Gonzalez & Nathaniel Lammons e Nathan Pasha & Hunter Reese, respetivamente quartos e segundos pré-designados.

João Correia
Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade. Contacto: joaocorreia@raquetc.com