Eugenie Bouchard está lançada (e feliz) em Gstaad

Genie Bouchard -G
Fotografia: Robert Hradil/RvS.Media

Esta sexta-feira marca o regresso de Eugenie Bouchard a umas meias-finais pela primeira vez desde janeiro de 2017 (Sydney). A canadiana está de pedra e cal no torneio suíço de Gstaad, tendo batido na jornada de hoje a russa Veronika Kudermetova, por 7-5 e 6-0.

“Estou feliz por ter a oportunidade de jogar mais um encontro. Não quero estabelecer comparações ou pensar no passado. Tenho apenas mais uma partida para realizar amanhã (sábado) e isso é ótimo”, destacou a antiga número 5 do ranking, citada pelo site da WTA, no seguimento da sua terceira vitória seguida em território suíço.

A paragem provocada pelo facto de Kudermetova, uma jovem tenista russa de origem cazaque, ter sido assistida fora do court (virilha/coxa esquerda) numa altura em que o resultado estava 7-5 e 3-0 em nada afetou a tenista canadiana. “Foi muito importante para mim conseguir rebater alguns grandes pontos que ela fez e, especialmente, estou orgulhosa da forma como continuei focada no duelo mesmo após o tratamento a que ela se sujeitou”, disse.

Bouchard, 146.º da tabela classificativa, vai defrontar na jornada deste sábado a vencedora do embate entre a francesa Alizé Cornet, primeira cabeça de série, e a australiana Samantha Stosur, quinta.

João Correia
Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade. Contacto: joaocorreia@raquetc.com