Além de Kevin Anderson, há outro sul-africano em grande destaque em Wimbledon

Klaasen -Venus
Raven Klaasen & Michael Venus conquistaram, em fevereiro, o troféu de pares do ATP 250 de Marselha. Fotografia: Open 13 Provence

Kevin Anderson é, atualmente, a grande estrela do ténis sul-africano. O número 8 do mundo é o primeiro tenista daquele país desde Kevin Curren (1983) a chegar às meias-finais de Wimbledon, tendo duelo marcado com John Isner na jornada desta sexta-feira.

Mas além de Anderson, há outro sul-africano que está a brilhar nos campos de relva do All England Club e até se cruzou esta semana com João Sousa. Raven Klaasen, veterano de 35 anos, está na final de pares masculinos do Major londrino, ao lado de Michael Venus.

“É incrível chegar à final. Todos os anos venho a Wimbledon com o objetivo de fazer sempre o melhor possível e agora conseguir superar a presença nas meias-finais (2016) é algo fabuloso. Não quero ficar demasiado entusiasmado, pois preciso de manter o foco para, juntamente com o Michael, estar ao meu melhor para discutir o título”, afirmou o sul-africano, citado pelo site Sport24.

A chegada ao embate de atribuição do título de campeão foi, naturalmente, recebida com tremenda satisfação na África do Sul, inclusive pelo presidente do país. “Quando recebes os parabéns do presidente do teu país, então sabes que os teus esforços são reconhecidos. Também tivemos felicitações por parte do ministro e do vice-ministro do Desporto, o que dá ainda mais motivação”, contou.

Recorde-se que Raven Klaasen, ex-número 9 mundial da variante de pares, & Michael Venus derrotaram João Sousa & Leonardo Mayer, em cinco partidas muito disputadas, nos oitavos de final de Wimbledon.

A outra dupla que vai lutar pelo troféu de pares masculinos é composta pelos norte-americanos Mike Bryan & Jack Sock.

João Correia
Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade.