Gonçalo Oliveira eliminado na segunda ronda da fase prévia

Depois da primeira participação da carreira no torneio de Wimbledon, que terminou logo à nascença com um desaire na eliminatória inaugural da qualificação, Gonçalo Oliveira (231.º) rumou a Marburgo, na Alemanha, para disputar o Challenger local, mas acabou derrotado na segunda ronda da fase prévia.

Ao triunfo registado na jornada de ontem, seguiu-se a eliminação ao final da manhã deste domingo, frente ao tenista russo Ronald Slobodchikov (503.º), por 6-1 e 6-3, em 73 minutos de um duelo em que o portuense esteve bastante desinspirado no capítulo do serviço — 46% de pontos ganhos com a primeira bola e 27% com a segunda.

Deste modo, Gonçalo Oliveira vê-se impossibilitado de continuar a lutar pelo apuramento para o quadro principal da prova, onde, recorde-se, está Pedro Sousa (defronta um tenista croata no encontro de estreia).

Oliveira está inscrito no torneio de pares, tendo como parceiro o eslovaco Andrej Martin. A dupla adversária na primeira ronda é formada pelo polaco Grzegorz Panfil e pelo russo Alexey Vatutin.

João Correia
Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade. Contacto: joaocorreia@raquetc.com