Borna Coric fixa um novo recorde pessoal; Rafael Nadal é, de novo, o líder

1 Borna Coric
Fotografia: Gerry Weber Open

Ao olhar para a atualização das tabelas classificativas desta segunda-feira, é impossível não reparar no nome de Rafael Nadal, que surge, pela quarta vez, no primeiro posto do ranking ATP esta temporada. A razão de outra mudança? Borna Coric derrotou Roger Federer na final do torneio ATP 500 de Halle e não permitiu que este defendesse os pontos relativos à época transata.

Dentro do top 10 há dois destaques esta semana: a subida de Rafael Nadal ao topo da hierarquia e a ascenção de Marin Cilic ao quinto lugar. O tenista croata derrotou Novak Djokovic numa final emocionante no ATP 500 de Queen’s, final essa em que chegou a salvar um matchpoint. Cilic era o sexto classificado, mas agora é Grigor Dimitrov quem ocupa o primeiro lugar fora do top 5.

Novak Djokovic chegou à final no Queen’s Club e esteve muito perto da vitória, mas, apesar de ter deixado escapar o troféu de campeão, conseguiu assegurar uma subida de cinco postos no ranking até à 17.ª posição. Já o campeão em Halle, Borna Coric, conseguiu uma subida estrondosa de 13 posições para fixar um novo máximo de carreira, o 21.º lugar — mesmo à porta dos 20 primeiros.

Roberto Bautista Agut, semifinalista em Halle, subiu dois lugares até ao 14.º posto, ao passo que Denis Kudla, também semifinalista em solo alemão, galgou 26 postos e está na 83.ª posição, a 30 lugares do seu melhor ranking de carreira (53.º).

Nota para a distância que separa o primeiro e o segundo lugares (50 pontos), bem como a que separa o quarto e o quinto (20 pontos).

1. Rafael Nadal (Espanha), 8.770 pontos
2. Roger Federer (Suíça), 8.720 pontos
3. Alexander Zverev (Alemanha), 5.755 pontos
4. Juan Martin del Potro (Argentina), 5.080 pontos
5. Marin Cilic (Croácia), 5.060 pontos
6. Grigor Dimitrov (Bulgária), 4.780 pontos
7. Dominic Thiem (Áustria), 3.835 pontos
8. Kevin Anderson (África do Sul), 3.635 pontos
9. David Goffin (Bélgica), 3.110 pontos
10. John Isner (Estados Unidos da América), 3.070 pontos
(…)

14. Roberto Bautista Agut (Espanha), 2.120 pontos
17. Novak Djokovic (Sérvia), 1.965 pontos
21. Borna Coric (Croácia), 1.745 pontos
83. Denis Kudla (Estados Unidos da América), 699 pontos

Portugueses:

João Sousa mantém a sua posição, o 47.º lugar, ao passo que Gastão Elias perde um posto e está na 118.ª posição. Pedro Sousa é o 135.º melhor jogador no ranking ATP, perdendo quatro posições face à semana passada. Gonçalo Oliveira mantém-se como número 4 português, ocupando o 231.º posto.

Tal como Gastão Elias e Pedro Sousa, também João Domingues apresentou uma queda, desta feita de três lugares até ao 258.º posto. João Monteiro não perdeu nem ganhou lugares face à semana transata e é o 288.º jogador na tabela hierárquica.

Frederico Silva foi o jogador luso que mais lugares escalou na classificação, estando agora no 333.º posto da hierarquia masculina, ao passo que Fred Gil perdeu quatro lugares e é o 431.º.

Clique aqui para consultar o ranking ATP dos portugueses.

Atualizado às 14h43 de segunda-feira, dia 25.

Pedro Cunha
O ténis apareceu na minha vida como apenas mais um desporto mas rapidamente o cheiro das bolas e o pó cor de laranja da terra batida onde pratico tornaram a minha vida melhor. Desde o som das pancadas, ao simples abrir de uma lata nova de bolas, tudo neste desporto tem encanto.