Lisboa Challenger: Meias-finais definidas com duas surpresas

Foi o terceiro dia do quadro principal, no entanto foi apenas o primeiro onde todos os jogos se disputaram no palco principal situado no Centro de Ténis do Monsanto. No total, foram quatro os encontros que definiram as duplas semi finalistas do Lisboa Challenger 2018.

A primeira dupla a garantir a passagem às meias-finais foi Javier Ruiz & Uri Botello (segundos favoritos) com uma boa vitória perante Lucas Campagnolo & Lucas Bergamini por duplo 6-4.

De seguida, foi a vez da surpresa de Gonzalo Rubio & Ernesto Moreno. A realizarem o primeiro torneio juntos, a dupla espanhola já se encontra nas meias-finais depois de vencer Jerome Gonzalez & Javier Barahona por 6-3 e 7-6.

A terceira dupla a garantir presença na penúltima fase foi Nacho Gadea & Alvaro Cepero. A dupla que se juntou apenas para jogar em Lisboa conta com Cepero do lado esquerdo da pista (algo não muito comum no jogador espanhol) e venceu esta sexta-feira os carrascos de Miguel Oliveira, Marcello Jardim & Agustin Tapia, por 7-6 e 6-3.

Os seus próximos adversários serão Diego Ramos & Rafael Mendez, o par que venceu Diogo Rocha na quarta-feira e uma das revelações de 2018. A dupla hispano-uruguaia surpreendeu Martin Pineiro & Willy Lahoz por 6-2 e 6-4 e confirmou assim o seu bom momento.

Confira aqui o quadro principal atualizado:

Lisboa Challenger QP -1
Diogo Leite
Licenciado em Gestão e com o Mestrado em Finanças concluído. É um apaixonado por ténis e padel. Adora conhecer tudo e todos dentro da modalidade, bem como estar a par das recentes notícias.