Carreño Busta teve de sofrer para chegar aos quartos de final em Roma

Pablo Carreno Busta

Depois de Fabio Fognini, também Pablo Carreño Busta garantiu, no início da jornada desta quinta-feira, o apuramento para os quartos de final do Masters 1000 de Roma, em Itália.

O tenista espanhol, que é o atual número 11 do ranking ATP, entrou bem frente ao eslovaco Aljaz Bedene e parecia bem encaminhado para uma vitória (muito) tranquila, até que tudo se complicou.

Com um 5-0 de vantagem no segundo parcial, o campeão do Millennium Estoril Open 2017 (que na variante de pares está a jogar ao lado de João Sousa, estando já nos quartos de final) não conseguiu dar o passo em falta e permitiu a Bedene a recuperação. No entanto, seria sol de pouca dura e Carreño Busta viria, depois, a reentrar nos eixos para vencer por 6-4, 5-7 e 6-2.

Apurado para os quartos de final do torneio italiano pela primeira vez na carreira, Pablo Carreño Busta fica, agora, à espera do vencedor do duelo entre Benoit Paire e Marin Cilic, o croata que tem a defender o estatuto de quarto cabeça de série e ainda tenta entrar no “top 2” de favoritos para Roland Garros.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegou o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."