Braço de ferro entre del Potro e Tsitsipas termina com vitória do argentino

Juan Martín del Potro M
Fotografia: Mutua Madrid Open

O argentino Juan Martín del Potro (6.º), um dos tenistas mais acarinhados do circuito, e o grego Stefanos Tsitsipas (43.º), uma das caras da campanha NextGen lançada pela ATP, defrontaram-se, esta quarta-feira, em duelo alusivo à segunda ronda do Masters de Roma. A vitória, para gáudio de grande parte do público que encheu o court Pietrangeli, vestiu-se com cores da “alviceleste”, mas o jovem tenista de 19 anos teve o mérito de causar dores de cabeça ao seu rival, especialmente na primeira partida.

Para se ter uma ideia do equilíbrio que pautou um dos confrontos mais esperados da jornada de hoje, o primeiro set só ficou resolvido ao cabo de 66 minutos, com del Potro a festejar de forma aguerrida e enérgica a conquista desse parcial, ao quinto set point.

Com um nível exibicional constante, o tenista argentino consolidou no início da segunda partida a vitória no set inaugural, ao quebrar o serviço de Tsitsipas logo ao quarto jogo — um break que lhe concedeu uma vantagem confortável para gerir o resto da contenda, que terminou com os parciais de 7-5 e 6-3 em 1h42.

Juan Martín del Potro tem como melhor resultado em Roma a presença nos quartos de final (2009 e 2017) e será frente ao belga David Goffin (10.º) que procurará igualar, pelo menos, a prestação alcançada nesses anos anteriores.

A jornada fica também marcada pelas vitórias de Rafael Nadal (aqui) e Novak Djokovic (aqui) e ainda pela de Fabio Fognini, que se galvaniza quando joga perante o seu público, no embate com Dominic Thiem (6-4, 1-6 e 6-3).

João Correia
Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade. Contacto: joaocorreia@raquetc.com