Pedro Sousa comenta o segundo duelo no Challenger de Braga e o reencontro com João Domingues

BRAGA – Pedro Sousa foi um dos dois jogadores portugueses a traduzir em vitória novo encontro de singulares no Clube de Ténis de Braga. O lisboeta, que é o quarto favorito ao título no novo Braga Open, superou dois sets equilibrados para passar por Daniel Munoz de la Nava e depois do encontro fez, em declarações ao Raquetc, a análise a esse duelo e também a antevisão ao confronto 100% português nos quartos de final, onde vai defrontar João Domingues.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegou o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."