João Sousa no top 65; Pablo Andújar regressa aos 200 primeiros

Joao P Sousa

O Rolex Monte-Carlo Masters já começou e distribuirá muitos pontos para o ranking ATP, mas esta segunda-feira é dia das tabelas clasificativas serem atualizadas e de alguns jogadores serem compensados pelo esforço investido nos torneios anteriores.

Se falamos de esforço, falamos de Pablo Andújar. O tenista espanhol conquistou no domingo o seu quarto título no circuito principal de ténis, uma semana depois de ter conquistado o troféu de campeão no Ferrero Challenger Open, torneio de categoria inferior. Andújar esteve lesionado durante algum tempo e está agora a regressar ao circuito.

O vencedor do Grand Prix Hassan II, em Marrocos, estava classificado na 1821.ª posição do ranking a 19 de fevereiro deste ano, e neste momento encontra-se no 154.º lugar. O atleta natural de Valência subiu 201 postos e está cada vez mais perto do regresso ao top 100, ele que já chegou a ocupar a 32.ª posição (julho de 2015).

Kyle Edmund, que estará no Clube de Ténis do Estoril dentro de poucos dias, foi finalista vencido em Marraquexe e alcançou esta segunda-feira o seu melhor ranking de carreira, ao fixar-se no 23.º posto da classificação mundial masculina (subiu três lugares).

Ivo Karlovic também é um destaque esta semana, pois subiu 12 postos face à semana anterior. O croata cedeu na meia-final no ATP 250 de Houston, perante Tennys Sandgren, e está agora no 76.º lugar.

Tennys Sandgren continua a fazer uma grande temporada e já tem um novo máximo de carreira. Depois de perder apenas na final do torneio de Houston, frente a Steve Johnson, o tenista norte-americano chegou à 47.ª posição, nove lugares acima do que havia alcançado anteriormente.

1. Rafael Nadal (Espanha), 8.770 pontos
2. Roger Federer (Suíça), 8.670 pontos
3. Marin Cilic (Croácia), 4.985 pontos
4. Alexander Zverev (Alemanha), 4.925 pontos
5. Grigor Dimitrov (Bulgária), 4.635 pontos
6. Juan Martin del Potro (Argentina), 4.470 pontos
7. Dominic Thiem (Áustria), 3.665 pontos
8. Kevin Anderson (África do Sul), 3.390 pontos
9. John Isner (Estados Unidos da América), 3.125 pontos
10. David Goffin (Bélgica), 3.110 pontos
(…)

23. Kyle Edmund (Grã-Bretanha), 1.757 pontos
47. Tennys Sandgren (Estados Unidos da América), 1.033 pontos
76. Ivo Karlovic (Croácia), 715 pontos
154. Pablo Andújar (Espanha), 376 pontos

Portugueses:

João Sousa deu continuidade em Marraquexe ao bom momento de forma exibido no mês de março, ao alcançar as meias-finais do torneio marroquino. Com isto, o tenista português ascendeu seis lugares na hierarquia, fixando-se na 64.ª posição. Já Gastão Elias seguiu no sentido inverso e perdeu quatro lugares, estando esta semana no 110.º posto.

Clique aqui para consultar o ranking ATP dos portugueses.

Pedro Cunha
O ténis apareceu na minha vida como apenas mais um desporto mas rapidamente o cheiro das bolas e o pó cor de laranja da terra batida onde pratico tornaram a minha vida melhor. Desde o som das pancadas, ao simples abrir de uma lata nova de bolas, tudo neste desporto tem encanto.