O azar voltou a bater-lhe à porta: lesionado, Nick Kyrgios vai falhar Indian Wells

Nick Kyrgios
Último encontro do número 20 mundial aconteceu em Brisbane, na derrota da Austrália para a Alemanha na Taça Davis / Fotografia: BNP Paribas Open 2018

Um ano depois de ter brilhado no Indian Wells Tennis Garden, Nick Kyrgios (20.º) vai falhar o regresso ao primeiro Masters 1000 da temporada devido a lesão. É um azar que continua a perseguir o jovem australiano, que não consegue jogar desde o início de fevereiro e no passado já tinha saído da Califórnia com um sabor amargo.

Voltemos atrás: em 2017, o irreverente tenista australiano tinha acabado de derrotar Novak Djokovic no encontro da quarta ronda para garantir um duelo com Roger Federer quando desistiu do torneio depois de ter passado a noite toda doente e na cama — semanas mais tarde, forçaria o suíço a três tiebreaks num dos melhores encontros da época.

Um ano depois, volta a ter más notícias para dar aos fãs presentes em Indian Wells, agora antes do torneio começar: não vai poder competir devido à lesão no ombro que o atormenta já há algumas semanas, falhando assim a defesa dos pontos relativos aos quartos de final de 2017.

Atualmente no 20.º posto do ranking mundial, Nick Kyrgios será substituído por Matteo Berrettini, o italiano que é o número 108 do ranking ATP e que entra no quadro como lucky loserDaniil Medvedev será o seu adversário no encontro da segunda ronda deste sábado.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegou o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."