ATP pronuncia-se sobre o caso Young-Harrison

Young-Harrison NY

Como seria de esperar, a ATP não vai deixar passar em branco o episódio que envolve os norte-americanos Donald Young e Ryan Harrison. O primeiro acusa o seu compatriota de insultos racistas durante o confronto entre ambos em Nova Iorque, ao passo que o segundo refuta as acusações (ver aqui e aqui).

“A ATP leva em consideração de forma muito séria qualquer alegação de preconceito racial. Por isso, uma nova revisão de todas as gravações de vídeo e áudio do encontro terá lugar durante uma investigação mais minuciosa deste caso”, pode ler-se em comunicado divulgado pela entidade que rege o circuito masculino.

A vitória no duelo jogado esta segunda-feira, recorde-se, ficou nas mãos de Ryan Harrison, que seguiu assim para a segunda ronda da edição inaugural do New York Open (substitui o extinto torneio de Memphis).

João Correia
Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade. Contacto: joaocorreia@raquetc.com