Insólito: Mahut estava a três pontos da derrota quando ficou com a vitória

Nicolas Mahut
E assim o tenista francês está de regresso ao top 100 mundial | Fotografia: Christopher Levy

Esta quarta-feira, em Montpellier, tudo apontava para a derrota de Nicolas Mahut frente a Dustin Brown. O tenista francês servia a 6-7(2), 2-5 e acabara de perder o primeiro ponto, estando por isso a apenas três de se despedir do ATP 250 do seu país na primeira eliminatória.

Mas o ténis tem destas coisas: até à última bola, tudo pode acontecer e Brown que o diga: o carismático tenista alemão, que procura sempre executar pancadas de forma acrobática, optou por executar um passing shot de esquerda virando as costas ao campo enquanto saltava e, apesar de ter executado com sucesso a pancada, não se deu nada bem — é que depois de bater a esquerda, Dustin Brown caiu, em lágrimas, no campo e não mais conseguiu jogar.

Assim, Nicolas Mahut acabou por seguir para a segunda fase do torneio, um resultado importante dado garantir-lhe a subida de oito lugares no ranking e, consequentemente, o regresso ao top 100 mundial.

O momento da desistência pode ser visto a partir dos 9:22:

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tiebreak. Dar palavras a recordes, a histórias. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais. Por isso depois chegou o padel, o squash e o ténis de mesa. E assim cá estamos, no RAQUETC ("raquetecétera"). Como escreveu Fernando Pessoa nos anos 20, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."