Aos 37 anos, Stéphane Robert continua a ganhar

Stéphane Robert exibe orgulhosamente o troféu de campeão do torneio de Burnie

O veterano francês Stéphane Robert (210.º) conquistou este sábado o título de campeão de singulares da edição de 2018 do Challenger de Burnie, na Austrália.

A quinta e última vitória do antigo top 50 mundial no torneio australiano foi averbada frente ao jovem alemão Daniel Altmaier (313.º), por inequívocos parciais de 6-1 e 6-2.

Este é o seu nono título da carreira no segundo escalão da modalidade e seguramente um dos mais especiais. É que aos 37 anos e oito meses, Robert torna-se no segundo tenista mais velho de sempre a vencer um troféu no circuito Challenger, sendo apenas superado por Dick Norman (38 anos e um mês).

Na próxima semana, Stéphane Robert deve aparecer no 164.º posto da tabela mundial, naquela que será a sua melhor classificação desde julho do ano passado.

Igualmente em Burnie decorreu esta semana um torneio de 60 mil dólares tutelado pela Federação Internacional de Ténis (ITF), cujo troféu de campeã ficou nas mãos da jovem ucraniana Marta Kostyuk, que recentemente causou sensação nos courts de Melbourne Park.

João Correia
Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade.