Julia Goerges termina temporada com dois títulos consecutivos e a melhor forma da carreira

Está encontrada a grande campeã do WTA Elite Trophy, o último torneio da “primeira divisão” do circuito feminino, que pode ser visto como um “Masters B” organizado na localidade chinesa de Zhuhai. A alemã Julia Goerges completou uma semana perfeita com mais uma vitória em parciais direitos para erguer o segundo troféu do ano.

Aos 29 anos, a tenista alemã estava determinada em terminar a época da melhor forma. Chegada a Zhuhai com o título no torneio de Moscovo — precisamente aquele que lhe permitiu qualificar-se para o segundo “Masters” –, entrou com o pé direito no evento chinês e passou com distinção a fase de grupos.

Já este domingo, derrotou a norte-americana CoCo Vandeweghe, segunda cabeça de série, por 7-5 e 6-1 com 11 dos últimos 12 jogos a caírem para o seu lado. Desta forma, aquela que a partir de segunda-feira será a número 1 da Alemanha no ranking WTA pôde erguer o troféu mais importante da carreira, que recebeu das mãos da compatriota Steffi Graf.

Já CoCo Vandeweghe, sai de Zhuhai derrotada na final mas com bastantes motivos para sorrir, dado que a boa semana na China lhe garante a chegada ao final da temporada no décimo posto do ranking — sendo esta a primeira vez que encerra uma época dentro do top 10 mundial.

Gaspar Ribeiro Lança
gasparlanca@raquetc.com | Dar palavras a um encontro de dois, três, quatro ou cinco sets, com ou sem tie-break. Dar palavras a histórias, a recordes. Dar ténis a todos aqueles que o queiram. E mais, sempre mais — por isso depois chegaram o padel, o ténis de mesa e o squash. E assim cá estamos, no Raquetc ("raquetecétera"). Como escreveu Pessoa, "primeiro estranha-se, depois entranha-se."