Maria João Koehler vendeu bastante cara a derrota em Óbidos

Chegada ao quadro principal do terceiro e último torneio na Bom Sucesso Tennis Academy, em Óbidos, depois de ter vencido de forma autoritária o único encontro que disputou na fase de qualificação, Maria João Koehler bateu-se até à última no duelo desta terça-feira com Dalila Spiteri, mas acabou por ficar-se pela ronda um.

Num embate muito disputado que contou apenas com cinco quebras de serviço, a tenista italiana (634.ª) garantiu o triunfo com os parciais de 7-6(2) e 7-5, vencendo um total de 85 pontos — mais oito que a portuense (742.ª) — em duas horas e 12 minutos de jogo.

De referir que Maria João Koehler serviu a 5-4 (e teve set points) para levar o encontro a uma terceira partida, porém a italiana de 20 anos manteve-se na luta e resgatou a vitória em parciais consecutivos.

Em resumo, nas suas três participações em Óbidos, a ex-número 1 portuguesa não conseguiu somar qualquer vitória em quadros principais de singulares.

A jornada de hoje também não trouxe boas notícias a Ana Filipa Santos, que perdeu no confronto com a qualifier espanhola Olga Parres Azcoitia (1108.º), por 6-2 e 6-1.

Inês Murta, Francisca Jorge, Sara Lança e Rita Pinto entram em ação esta quarta-feira.

João Correia
Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade.