Sloane Stephens considera que não precisa de mudar nada no seu jogo

0

Mats Wilander afirmou, na sequência da vitória de Sloane Stephens frente a Venus Williams na final do US Open, que o jogo da norte-americana de 24 anos “não tem nenhuma fraqueza”, elogiando o seu talento e maturidade.

Opinião semelhante tem a nova campeã do US Open, que explica: “Creio que o meu jogo está bom. Acho que não preciso de mudar nada. Se conseguir jogar da forma que fiz para vencer um Grand Slam, não me parece que haja lugar a grande discussão sobre isso. É bom, funciona, pelo que vou continuar a jogar assim”, salientou recentemente num dos contactos com a imprensa, após ter conquistado o troféu.

O título em Flushing Meadows permitiu a Stephens ascender ao 17.º posto do ranking mundial, estando agora mais perto do seu máximo de carreira, o 11.º lugar, alcançado em outubro de 2013. O WTA de Seul, na Coreia do Sul, entre os dias 18 e 24 de setembro, deverá ser o primeiro torneio que disputará como campeã de um Grand Slam.

Comentários

Comentários