Assim foi a prestação dos tenistas alemães no “aquecimento” para a Taça Davis

0

A poucos dias do início do tão aguardado confronto entre Portugal e Alemanha, alusivo ao play-off do Grupo Mundial da Taça Davis, importa dar conta da prestação nesta semana dos tenistas alemães escolhidos pelo selecionador Michael Kohlmann.

Dos quatro jogadores que vão a jogo entre os dias 15 e 17 de setembro, no Centralito do Jamor, em Oeiras, dois estiveram em ação: Jan-Lennard Struff e Tim Puetz, ambos no Challenger de Génova.

Struff (49.º), que recentemente chegou às meias-finais do ATP 250 de Winston-Salem, foi derrotado pelo prodígio grego Stefanos Tsitsipas, por 6-2 e 6-3, nos quartos de final do torneio italiano, ao passo que Puetz (464.º) não passou da segunda eliminatória (vitória esmagadora de Fucsovics, por 6-1 e 6-2).

Título de pares “aquece motor” alemão

Jan-Lennard Struff & Tim Puetz formaram equipa na competição de pares, onde cederam apenas um set rumo ao título, dando assim boas indicações ao selecionador alemão. Na final jogada este domingo, a dupla germânica derrotou Guido Andreozzi & Ariel Behar, por 7-6(5) e 7-6(8).

Em resumo…

Jan-Lennard Struff: quartos de final no Challenger de Génova
Cedrik-Marcel Stebe: não jogou
Yannick Hanfmann: não jogou
Tim Puetz: segunda ronda no Challenger de Génova, via fase de qualificação
Struff & Puetz: Campeões no Challenger de Génova

Comentários

Comentários