Rafael Nadal com registo monstruoso de sets ganhos consecutivamente

Não importa a superfície: depois do título conquistado na sua “terra prometida”, em Paris, Rafael Nadal continua a todo o gás agora na relva sagrada do All England Club, onde decorre a 131.ª edição dos campeonatos de Wimbledon.

O duas vezes campeão do Major britânico deu esta sexta-feira mais um passo rumo a um eventual título, ao eliminar o jovem russo Karen Khachanov em três partidas. Na verdade, o espanhol não perde qualquer set em torneios do Grand Slam desde o Australian Open, em janeiro, encontrando-se numa série de 28 parciais ganhos de forma consecutiva.

Este registo impressionante não é novo para Nadal, que em 2010 conseguiu igual proeza entre os quartos de final de Wimbledon e a final do US Open. Mas uma eventual vitória no primeiro set contra Gilles Muller, na próxima ronda, fará com que o número 2 mundial quebre o seu próprio recorde em torneios do Grand Slam.

João Correia
Licenciado em Sociologia e Mestre em Comunicação, Cultura e Tecnologias de Informação (ISCTE). Privilegiado por viver numa das melhores eras da história da modalidade.